Hipnose e Hipnoterapia – Perguntas e Respostas

O que é Hipnoterapia?

A palavra “hipnoterapia” é uma combinação de hipnose e terapia. Ela é definida em uma portaria do Ministério da Saúde que reconhece e regulamenta a prática pelo SUS:

“A hipnoterapia é um conjunto de técnicas que, por meio de intenso relaxamento, concentração e/ou foco, induz a pessoa a alcançar um estado de consciência aumentado que permita alterar uma ampla gama de condições ou comportamentos indesejados, como medos, fobias, insônia, depressão, angústia, estresse e dores crônicas. Pode favorecer o autoconhecimento e, em combinação com outras formas de terapia, auxilia na condução de uma série de problemas.”

É uma forma de tratamento mundialmente aceita,  testada e aprovada pelos terapeutas que se atualizaram nas técnicas que surgiram em 1795. 

 

Hipnose é Regressão?

A regressão é uma ferramenta que se utiliza durante o processo hipnótico, já que se busca onde estão os eventos de reforço e o evento causador inicial.

Isso não significa que em toda sessão de hipnose se utilize técnicas de regressão.

É perigoso fazer hipnose?

Escolha um hipnoterapeuta de reconhecida formação e experiência em terapia. Pesquise quem o formou, quais os cursos que o profissional fez, quantos anos de trabalho ele  desenvolveu. Pesquise do mesmo modo como faz para escolher qualquer outro especialista.

Posso fazer auto hipnose?

Pode fazer sim, inclusive são passados exercícios e práticas para o cliente repetir e fortalecer o aprendizado.

Consigo fazer regressão sozinho?

Certamente. Entretanto, lembre-se que o fator de proteção estará ligado e provavelmente o acesso será apenas às partes que não vão resolver a fundo o problema. Cuidado!  Você poderá piorar um problema que estava quieto. O que pode acontecer é que vai abrir um buraco despertar seu foco de atenção para o fato.  O problema é quando as pessoas passam a usarem de justificativas de “vidas passadas” para não mudarem ou evoluir.

O ideal é que você procure um hipnoterapeuta.

Hipnose é a mesma coisa que Hipnoterapia?

Não, hipnose é burlar o fator crítico e implantar um comando aceitável, temporário e ilusório.  Acontece muito em shows de tv, onde as pessoas esquecem números, o próprio nome, falam idiomas estranhos, comem cebola achando que é maçã, entre outros fatos inexplicáveis.

Hipnoterapia é tratar de problemas que causam sofrimento a uma pessoa, utilizando como uma das ferramentas do processo a hipnose.

Se eu não quiser ninguém poderá me  hipnotizar? 

Verdade, é você que permite que isso aconteça. A hipnose é uma característica natural do cérebro humano.

Se eu falar agora que você  apenas recorde um momento  muito feliz de sua vida, e eu te perguntar se era dia ou noite? tinha sol? sentia cheiros e via cores? Identifica sensações e emoções do momento?

Feche os olhos e mergulhe na experiência.

Isso já é uma viagem hipnótica.

Então, aproveite a emoção de prazer  e ilumine seu dia!

Quem já foi hipnotizado sabe que a sensação é fantástica e prazerosa.

Também não é possível hipnotizar pessoas com deficiências cerebrais graves.

Quanto custa o tratamento de hipnoterapia?

Imagine que se fosse fazer terapia levariam anos, pagando semanalmente, meses e anos de compromisso e conversas de superfície. Faça os cálculos.

Hipnoterapia exige um profissional extremamente capacitado para lidar com situações  inesperadas e  preparo para reações de contenção.

É como abrir uma jaula de onde não se sabe que tipo de feras sairão, pois precisa estar preparado para controlar a situação. Precisa ser um especialista treinado.

Imagine se é caro para alguém que vive anos com um problema calando na carne.

Imagine se é caro para alguém que se esforça, estuda, se prepara, investe e fracassa todas as vezes.

Quanto ao preço de um tratamento de hipnoterapia é possível encontrar uma margem tão ampla e variável que não tem como estabelecer um preço médio.  Em geral são apenas 3 sessões de 1 a 2hs cada. Conheço terapeutas que cobram mais de R$ 3.500,00, entretanto eles tem uma ampla divulgação em canais de mídia e gastam milhares de reais em campanhas de marketing, que se for bem feito eleva o preço de um produto.

Todas as pessoas normais tem lixo emocional?

Infelizmente sim, já que todas tem percepção, emoção e sentimentos.  Todas tem cérebro e memórias, e assim sendo … somos todos meio bugados em algum nível e área.

Em algum momento de nossas vidas teremos uma demanda emocional que se manifestará na forma de problema que se repete, e por  mais que nossa mente consciente saiba que é algo que precisa mudar, sozinhos não conseguimos. Aí que é hora de procurar um profissional para ajudar na tarefa de ir mais fundo e encontrar a solução.

Sistema Interno de Proteção

Existe um sistema interno *subconsciente que está em processo de respostas padronizadas, que foram formatadas ao longo de nossas vidas, principalmente na infância. Quando se fala de infância, leia-se influenciadores; como pais, mães e nosso clã familiar e/ou social.

Por isso é tão difícil mudar uma forma de pensamento e entendimento sobre algo que já está arquivado com uma resposta emocional pronta.

As justificativas para não fazer algo diferente estão engatilhadas antes que você pense numa mudança.

Corrigindo padrões mentais

Você sabia que é possível reprogramar os bugs, e modificar padrões errados?

As pessoas procuram como resolver os problemas de ansiedade, infelicidade, tristeza, auto sabotagem a nível consciente; remediando sintomas e vivendo uma vida bem abaixo de suas expectativas.

Enquanto algumas tomam remédios (para REMEDIAR) os sintomas, outros descobriram a HIPNOTERAPIA!

Você já faz auto hipnose todos os dias.

Já chorou na frente da TV vendo um filme? Não era real, era um filme! Mesmo assim você torceu, ficou com raiva, teve medo e seu cérebro reagia como se tudo fosse REAL!

Já foi para casa dirigindo e nem lembra pelas ruas que passou? Quem nunca? O processo de dirigir um automóvel exige várias habilidades visuais e motoras, mas com a prática elas se automatizam no cérebro, e isso libera espaço para você fazer outras coisas enquanto dirige. Pode sonhar com os abraços na pessoa amada, com a festa, preocupar-se com as contas, com a cacetada que deveria ter dado no chefe… e com qualquer coisa.

Já leu uma página inteira e chegando na última linha teve que voltar porque não sabia o que havia lido? Já sonhou com a férias, e até imagina a comida, a temperatura e suspira pela data? É tudo hipnose, só não é hipnoterapia. 

HIPNOSE É CIÊNCIA

O cérebro aprende a fazer novas conexões e criar soluções após a hipnose.

Recentemente David Spiegel, psiquiatra e professor da universidade de Medicina de Stanford, e seus colegas decidiram escanear o cérebro de 57 pacientes durante o transe, para ver se a hipnose deixava uma marca. A conclusão foi que sim, a hipnose deixa 3 rastros nítidos no cérebro: regiões distintas dele alteram a atividade e conectividade enquanto se está hipnotizado. O estudo completo está disponível no site Oxford Academic.

Referências

OMNI. Nova descoberta da Ciência Comprova um Estado de Hipnose. Disponível em
https://omnihypnosis.com.br/nova-descoberta-da-ciencia-comprova-um-estado-de-hipnose/ Acesso em 10/09/2018.

OXFORD ACADÊMIC. Cerebral Cortex: Brain Activity and Funcional C Connectivity Associated with Hypnosis. Disponível em: https://academic.oup.com/cercor/article/27/8/4083/3056452 Acesso em 08/09/2018.

Sociedade Brasileira de Hipnose: O que é Hipnose –  Disponívelem  Hipnose: Um guia completo com tudo que você precisa saber  Acesso em 23/01/2021